sexta-feira, janeiro 28, 2022

Fiesp apresenta operações de certificado de origem digital (COD) entre Brasil, Argentina e Uruguai

Para apresentar detalhes do documento de comércio exterior que está facilitando negócios e poupando recursos das empresas brasileiras, argentinas e uruguaias – o chamado certificado de origem digital (COD) – o Departamento de Relações Internacionais e Comércio Exterior (Derex) da Fiesp realizou seu segundo seminário sobre o tema na última terça-feira (20 de junho), em São Paulo. Para o diretor titular adjunto do Derex e mediador do encontro, Vladimir Guilhamat, o produto é um facilitador importante, principalmente de tempo, para companhias exportadoras e despachantes.

Na visão do coordenador-geral de Regimes de Origem do Departamento de Negociações Internacionais do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC), Rodrigo Serran, o COD figura como ferramenta essencial de facilitação de comércio, unificando os formulários para exportadores e importadores definidos pela Associação Latino-Americana de Integração (Aladi).

“O COD dispensa o trâmite de papel, os arquivos são enviados digitalmente e criptografados. Além disso, apenas funcionários habilitados e registrados na Aladi farão as confirmações de recebimento destes arquivos”, explicou. Segundo ele, o governo brasileiro tem trabalhado intensamente para levar às empresas os benefícios do COD. “Brasil e Argentina têm a meta de, a partir do ano que vem, transitar apenas CODs em suas relações comerciais, eliminando os contratos em papel”, completou.

Serran citou ainda grandes empresas que recomendam o uso do certificado digital após verificar suas vantagens, como a L’Oréal. De acordo com ele, a fabricante de cosméticos informou ter reduzido de 48 horas para duas horas seu uso de mão de obra direta, além da redução com custos indiretos e frete. “A estimativa da L’Óreal é de que na etapa da certificação de origem a empresa tenha reduzido seus custos em 98%”, disse.

A coordenadora de Facilitação de Comércio da Fiesp, Patricia Vilarouca de Azevedo, apresentou o passo a passo do processo de emissão do certificado digital no sistema Fiesp e Ciesp. “A agenda da facilitação de comércio tem sido prioritária para nós [Fiesp e Ciesp] e para quem já emite certificação impressa o processo de transição é mais fácil”, finalizou.

Por Mayara Baggio, Agência Indusnet Fiesp

Portal ContNewshttp://www.portalcontnews.com.br
Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Populares

Plantão ContNews

Tem eBook pra você

eBook para DP: Produtores Rurais

eBook para DP: Produtores Rurais

spot_imgspot_img

CADASTRE-SE NA NEWS

Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

OBRIGADO

POR SE INSCREVER!