sexta-feira, janeiro 28, 2022

Incertezas sobre situação econômica congelam plano de investimentos

18/06 – Aline Salgado / Brasil Econômico
Após o primeiro colapso nas expectativas do empresariado no primeiro trimestre do ano, o humor sobre o futuro dos negócios só piorou. Na média, 30% das companhias dos ramos de indústria, comércio, serviços e construção civil não têm programa de investimentos para os próximos 12 meses. O cenário de incertezas apresentado pela Sondagem de Investimentos da Fundação Getulio Vargas (FGV/Ibre) reforça as projeções de que o país fechará o ano com uma retração em torno de 7% na Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF). 
No primeiro trimestre do ano, a taxa de investimentos ficou em 7,8%, sobre o mesmo trimestre do ano anterior, de acordo com dados das Contas Nacionais do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Para o consolidado do ano, a equipe econômica do Bradesco projeta queda de 7%. Em linha com a projeção da FGV/Ibre, que aposta em redução de 7,1%. 
Para o economista Claudio Frischtak, presidente da Inter.B Consultoria Internacional de Negócios, “não há motor claro de crescimento para este ano” e a projeção é a de que o PIB (Produto Interno Bruto) feche 2015 com uma queda de 2%. 
Portal ContNewshttp://www.portalcontnews.com.br
Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Populares

Plantão ContNews

Tem eBook pra você

eBook para DP: Produtores Rurais

eBook para DP: Produtores Rurais

spot_imgspot_img

CADASTRE-SE NA NEWS

Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

OBRIGADO

POR SE INSCREVER!