quinta-feira, janeiro 27, 2022

TST nega pagamento de hora deslocamento a empregado

30/07 – Noticenter
Um empregado que morava no Rio Grande do Sul e precisava viajar 130 quilômetros por dia para chegar até o seu local de trabalho, um frigorífico instalado na cidade de Chapecó, teve negado pela Justiça do Trabalho o direito ao pagamento das horas in itinere — o tempo de deslocamento que, em determinados casos, é computado na jornada de trabalho.
Ao ingressar com a ação trabalhista, o empregado afirmou que não havia transporte regular entre a sede da empresa e sua residência, na cidade de Cristal do Sul. Segundo a legislação, o tempo de deslocamento deve ser incluído na jornada quando o trabalho for realizado em local de difícil acesso ou desprovido de transporte público regular.
Portal ContNewshttp://www.portalcontnews.com.br
Informações pertinentes ao dia-a-dia dos profissionais contábeis. Notícias contábeis diárias, vídeos de eventos contábeis e conteúdos específicos para o contador!

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Populares

Plantão ContNews

Tem eBook pra você

eBook para DP: Produtores Rurais

eBook para DP: Produtores Rurais

spot_imgspot_img

CADASTRE-SE NA NEWS

Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

OBRIGADO

POR SE INSCREVER!