fbpx
quarta-feira, agosto 10, 2022

Erros mais comuns nos eventos de SST

Primeiramente quero dizer que esse post serve para todos que fazem o envio e a gestão dos eventos de SST para o empregador, não importa se é a empresa de medicina, uma clínica, um profissional da área, o departamento pessoal ou o RH da empresa, o que importa é que precisamos trabalhar juntos para chegar no resultado esperado: eventos gerados com informações de qualidade e processados com sucesso no eSocial.

📌 Vamos elencar abaixo os erros/dúvidas mais comuns que temos visto e que tem gerado muitos transtornos para os profissionais envolvidos, causando um desgaste inclusive emocional, e não precisa ser assim, pois é o momento de unir as experiências de quem a anos já envia eSocial com o conhecimento de quem é especializado na área.

🔔 E VAMOS AO QUE INTERESSA:

1️⃣ O departamento pessoal não fornece os dados atualizados dos trabalhadores com as matrículas para a consultoria de SST.
▶️ A responsabilidade de manter os dados atualizados e fornecer para quem presta o serviço de SST é do empregador, mas claro que para isso o departamento pessoal deve muní-lo das informações solicitadas pela consultoria de SST e que são essenciais para o envio dos eventos de SST. Combine com seu cliente de que forma você vai fornecer essas informações, seja numa planilha atualizada que seu sistema gere, seja já enviar a matrícula a cada nova admissão, enfim, é algo fácil de se revolver, basta querer e ter isso pré combinado. Planeje algo automatizado no seu sistema de folha.

2️⃣ A consultoria de SST quer que eu exclua o evento de desligamento (S-2299) para poder enviar o evento do ASO demissional.
▶️ Aqui vou deixar as regras claras que valem para cada evento de SST, sem exceção:
▪️ S-2210 – vai ser aceito com qualquer data do acidente desde o dia do início da obrigatoriedade da fase 4 ou do dia da admissão até o dia do desligamento.
▪️ S-2220 – vai ser aceito com qualquer data do ASO desde o dia do início da obrigatoriedade da fase 4, e pode inclusive ser posterior ao desligamento. Mas apenas aceita ser anterior a admissão se for o ASO tipo Admissional.
▪️ S-2240 – vai ser aceito com qualquer data de início da condição desde o dia do início da obrigatoriedade da fase 4 ou do dia da admissão até o dia do desligamento.
OBS.: ali no texto nos referimos a data constante em cada evento, o que não pode ser confundido com a data de envio/transmissão do evento. A data do envio/transmissão só não pode ser anterior ao início da fase 4 no eSocial ou se o trabalhador ainda não existe dentro do eSocial.

3️⃣ A consultoria enviou os eventos de SST mas não consigo consultar no portal do eSocial.
▶️ Realmente não tem como consultar, nem incluir e nem excluir os eventos S-2220 e S-2240 pelo portal do eSocial ainda. Por enquanto tem apenas como saber a data do evento e a data de transmissão, mas em breve será disponibilizado o portal Simplificado de SST e então essas informações já transmitidas serão migradas para lá e será possível além de consultar, alterar e excluir, também inserir as informações dos eventos manualmente.

4️⃣ A consultoria de SST enviou os eventos com data de 31/01/2022.
▶️ Aqui vai um alerta e um alinhamento importante para com a área de SST que gera as informações:
▪️ S-2210 – a data que consta dentro do evento deve ser a DATA DO ACIDENTE, esse é o campo chave para identificação.
▪️ S-2220 – a data que consta dentro do evento deve ser a DATA DO ASO, esse é o campo chave para identificação.
▪️ S-2240 – a data que consta dentro do evento deve ser a DATA INÍCIO DA CONDIÇÃO DA EXPOSIÇÃO, esse é o campo chave para identificação. E como esse evento tem carga inicial, obrigatoriamente preciso ter um S-2240 com data início da condição sendo a data de início da obrigatoriedade da fase 4 (seja 13/10/2021 para Grupo 1 com exposição, ou 10/01/2022 para Grupos 2 e 3 com exposição, ou com a data até 01/01/2023 para sem exposição.
Sabendo disso, lanço aqui alguns pontos para avaliarem:
▫️ Jamais posso ter um evento S-2240 com início da condição sendo uma data posterior ao desligamento, seria o mesmo que ter uma alteração de cargo ou salário posterior ao desligamento, não existe.
▫️ Para todos os trabalhadores desligados até antes do início da obrigatoriedade da fase 4 não terei carga inicial do S-2240.
▫️ Nenhum evento de SST pode ser enviado ao eSocial se o trabalhador não estiver lá registrado, seja pelo envio do S-2190 (com matrícula) ou S-2200.
▫️ Jamais posso ter um evento de SST com data anterior a admissão, com exceção do ASO Admissional.
▫️ Eu posso tranquilamente ter um evento S-2220 com data posterior ao desligamento.
▫️ Nenhum evento de SST deixará de ser recepcionado mesmo que o fechamento da folha já tenha sido realizado.

5️⃣ A consultoria de SST diz que o prazo para envio de todos os eventos de SST é 15/02/2022 para os Grupos 2 e 3.
▶️ Para todos os trabalhadores não expostos a agentes nocivos (químicos, físicos, biológicos ou a associação desses agentes) previstos na Tabela 24 do eSocial, os eventos S-2220 e S-2240 são opcionais até dia 31/12/2022, para os demais (que estão expostos) a carga inicial do S-2240 assim como todos os fatos ocorridos de 11/01/2022 a 31/01/2022 o prazo de envio é até dia 15/02/2022 (Grupos 2 e 3), e assim sucessivamente, mês a mês. Lembrando que o evento S-2210 (quando ocorrer acidente) deve ser obrigatoriamente enviado ao eSocial (Grupos 1, 2 e 3).
OBS.: E caso você não tenha conseguido cumprir o prazo de 15/02, envie o quanto antes para estes que estão na obrigatoriedade.

6️⃣ O evento S-2220/S-2240 está sendo recusado pelo erro: 303 – Não foi localizado o contrato de trabalho do trabalhador CPF: 11111111111, Matrícula: 1234abcd.
▶️ Esse erro tende a ser entendido como se o trabalhador não estivesse ativo no eSocial, ou seja, já está desligado, mas não é isso. Nesse caso é necessário confirmar se a matrícula que está sendo retornada na mensagem de erro é a matrícula que esse trabalhador possui dentro do eSocial, apenas isso.

7️⃣ Vou fazer a procuração para a consultoria de SST e eles pedem que seja marcado todos os serviços que se referem ao eSocial, todos aqueles 9 (nove) grupos.
▶️ Cada grupo de permissão na procuração é destinada a um tipo de acesso ou envio de um tipo de eventos. Para envio e posterior acesso ao Portal Simplificado de SST, basta dar acesso ao serviço “eSocial – Grupo SST”.

⚠️ ATENÇÃO: Todas as regras descritas acima estão previstas na documentação do Manual e no layout dos eventos do eSocial.

💟 Acreditem: Basta termos união, clareza, humildade e boa vontade de ambos os lados. Assim todos saímos ganhando!

Gostou? 👍 Nos siga, curta, compartilhe!

por Jení Carla Fritzke Schülter
consultora em DP da SCI Sistemas Contábeis e articulista Portal ContNews

🤩 SIGA A GENTE NAS REDES
👉 Instagram: https://www.instagram.com/portalcontnews
👉 Instagram: https://www.instagram.com/atua.dp/
👉 Notícias via whatsapp: https://cutt.ly/ZIYTk86
👉 Canal no Telegram: https://t.me/contnews

Avaliem o Portal ContNews no Google!
https://g.page/r/CdJrXa-hV3eQEBM/review

#ContNews #Contabilidade #eSocial #JeniSchulter #SST

🤩 SIGA A GENTE NAS REDES
👉 Instagram: https://www.instagram.com/portalcontnews
👉 Notícias via whatsapp: https://cutt.ly/ZIYTk86
👉 Canal no Telegram: https://t.me/contnews

Avaliem o Portal ContNews no Google!
https://g.page/r/CdJrXa-hV3eQEBM/review

#ContNews #Contabilidade

Jeni Carla Fritzke Schülterhttps://www.portalcontnews.com.br/
Graduada em administração com ênfase em recursos humanos, é especialista em eSocial. Participante do grupo de trabalho eSocial da Fenacon desde 2014 e do grupo das empresas piloto do eSocial desde 2016. Atua como analista de negócios na área contábil e consultora de folha de pagamento da SCI Sistemas Contábeis. Articulista do Contabilidade na TV desde 2016.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Populares

CADASTRE-SE NA NEWS

Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Portal ContNews.

OBRIGADO

POR SE INSCREVER!