quinta-feira, janeiro 20, 2022

Advocacia no Simples Nacional

A empresa de advocacia, terá o seu documento de constituição, contrato social, registrado e arquivado na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

Os sócios deverão também estar com seus registros regulares junto a OAB para constituição da empresa.

Foi criada pela Lei 13.247/2016 a Sociedade Unipessoal de Advocacia, assim, muitos do que trabalhavam como autônomos conseguiram se regularizar como pessoa jurídica, mudando a carga tributária que poderia chegar em 27,5% na pessoa física.

A tributação do Simples Nacional para advogados foi regulamentada com a Lei Complementar nº 147/2014.

As sociedades unipessoais, só podem ser inscritas na Seccional onde é a origem do representante, sendo permitida apenas uma empresa nesta modalidade na Seccional.

No Simples Nacional a atividade de advocacia se enquadra no anexo IV do Simples Nacional no qual a alíquota se inicia com 4,5%, podendo esta, ser alterada com base nos últimos 12 faturamentos.

Assim, antes de constituir a sociedade ou realizar qualquer alteração, esteja assessorado por um contador com expertise e experiência neste ramo de atividade.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Relacionados

Populares

Plantão ContNews

Tem eBook pra você

eBook para DP: Produtores Rurais

eBook para DP: Produtores Rurais

spot_imgspot_img

CADASTRE-SE NA NEWS

Assine a nossa lista e receba novidades sobre o Contabilidade na TV.

OBRIGADO

POR SE INSCREVER!